BRANCO SAI, PRETO FICA, de Adirley Queirós

Por Willian Silveira (RS) A relação do brasileiro com o seu espaço urbano segue uma ordem política desde cedo. Seja pela ausência do Estado, como em muitas cidades do interior em que a estrutura básica é dada à sorte, seja pela presença forçada, como na construção de Brasília, em que a capital, produto racional da…

ELA VOLTA NA QUINTA, de André Novais

Por Robledo Milani (RS) Uma tendência cada vez mais intensa, principalmente entre os realizadores adeptos a um estilo de cinema mais alternativo e independente, interessados em experimentar novos formatos e ousar em seus discursos, é a eliminação dos gêneros. Afinal, a vida de uma pessoa não é só comédia, drama ou terror. Há um pouco…

Fest Cine Brasília: Mostra Competitiva de Curtas

Por Robledo Milani (RS) Em 2014, o Festival de Brasília do Cinema Brasileiro promoveu uma importante mudança de suas mostras competitivas, tanto de longa quanto de curtas-metragens: o fim das divisões por gêneros. Se entre os longas a ruptura foi menos drástica, apenas eliminando a separação entre ficções e documentários, na competição de curtas o…

BRASIL S/A, de Marcelo Pedroso

Por Paulo Henrique Silva (MG) Devido à diversidade de propostas dos filmes apresentados na mostra competitiva do 47º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, todos eles com traços bastante autorais que vão da crítica social a experiências de dramaturgia, o resultado da cerimônia que será realizada no Cine Brasília passa a ser uma grande incógnita.…

SEM PENA, de Eugênio Puppo

Por Paulo Henrique Silva Filme que abriu, na noite de quarta-feira, a mostra competitiva de longas-metragens do 47º Festival de Brasília de Cinema Brasileiro, o documentário “Sem Pena”, dirigido por Eugênio Puppo com o apoio do Instituto de Defesa do Direito de Defesa (IDDD), é a síntese de uma longa lista de produções que vêm…

Comentários sobre os filmes de longa-metragem

Por Luciano Ramos (SP) No evento de abertura 47 Festival de Brasília, foi exibido filme Deus e do Diabo na Terra do Sol, com cópia recém-restaurada, na gigantesca tela do Cine Brasília. É a projeção digital mais ampla do país e uma das tecnicamente mais perfeitas. As pessoas que viram o filme em seu lançamento…