Da relevância e do interesse

Camila Vieira * Eis um problema recorrente no documentário contemporâneo: confiar que basta tema relevante ou personagem interessante para realizar bom filme. Dentro da mostra competitiva de longas-metragens do 22º Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade, cinco dos sete títulos caíram nesta armadilha de se deixar seduzir pela pertinência temática de algum tema de…

Prêmio Abraccine no 22º É Tudo Verdade

De 20 a 30 de abril foi realizado o 22º É Tudo Verdade / It’s All True – Festival Internacional de Documentários, no Rio de Janeiro e São Paulo. O júri da crítica organizado pela Abraccine, formado por Cesar Zamberlan (SP), Camila Vieira (RJ) e o presidente do júri, Cássio Starling Carlos (SP) elegeu o…

Documentário sobre Guimarães Rosa será debatido em sessões promovidas pela Abraccine

De 24/4 a 25/5 o documentário “Outro Sertão” terá exibições e debates em dez cidades e quatro regiões do país; filme trata dos anos do escritor mineiro na Alemanha nazista. Em sua segunda edição, a Sessão Abraccine promove a circulação e o debate do documentário “Outro Sertão”, de Adriana Jacobsen e Soraia Vilela. Resultado de…

ABRACCINE elege “Cabra Marcado para Morrer” como o melhor documentário do cinema nacional

“Cabra Marcado para Morrer” é o melhor documentário do cinema brasileiro, de acordo com votação da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine), realizada entre seus críticos associados e convidados. A pesquisa também mostrou que Eduardo Coutinho, diretor do filme lançado em 1984, é o mais importante realizador do gênero no país, ao ter três…

Aquarius: inventário da memória

Ivonete Pinto* Fora temer que o cinema pernambucano diminua o número de produções, em função da possível futura falta de políticas públicas para o audiovisual, a qualidade segue como seu diferencial. “Aquarius”, o terceiro longa de Kleber Mendonça Filho, desde antes de seu lançamento ─ e turbinado pela seleção de Cannes ─, desponta como um…

Clara – a doença como metáfora em Aquarius

Luiza Lusvarghi* Nos primeiros longos minutos de “Aquarius”, percebemos, em meio a uma festa familiar, que Clara, a protagonista, vivida na juventude pela atriz mineira Bárbara Colen, e na maturidade por Sonia Braga, acaba de sobreviver a um câncer. E também que pertence a uma tradição familiar de mulheres ousadas e libertárias, que não se…