Guido Araújo em três décadas

Adolfo Gomes A primeira vez que vi Guido Araújo e ele já me convidou a sentar à mesa do cinema brasileiro.  Era 1995 e havia, na Jornada Internacional de Cinema da Bahia, uma mesa-redonda sobre os 40 anos da censura de “Rio 40 Graus”.  Nelson Pereira dos Santos estava presente, vários críticos, entre eles o Luiz Zanin…

ABRACCINE elege “Cabra Marcado para Morrer” como o melhor documentário do cinema nacional

“Cabra Marcado para Morrer” é o melhor documentário do cinema brasileiro, de acordo com votação da Associação Brasileira de Críticos de Cinema (Abraccine), realizada entre seus críticos associados e convidados. A pesquisa também mostrou que Eduardo Coutinho, diretor do filme lançado em 1984, é o mais importante realizador do gênero no país, ao ter três…

Homenagem a André Setaro (1950-2014)

André Olivieri Setaro, trajetória de um amante do cinema Por Rafael Carvalho Frequentando os diversos cinemas de rua de Salvador é que André Setaro, no esplendor da mocidade, entre as décadas de 1950 e 1960, começou sua paixão pela sétima arte. No entanto, ele não era natural da Bahia. Nasceu no Rio de Janeiro em…

Nota de pesar: André Setaro

A Abraccine lamenta o falecimento de um de seus sócios, o professor e crítico André Setaro. Crítico de cinema do jornal Tribuna da Bahia desde agosto 1974, pesquisador e professor de Cinema da Faculdade de Comunicação da UFBA, Setaro deixa como legado 40 anos de dedicação ao cinema. Seus pensamentos e reflexões recentes podem ser…

João Carlos Sampaio por João Carlos Sampaio

  Nasci em Aratuípe, na Bahia, no dia cinco de outubro de 1969. Sou jornalista e crítico de cinema. Iniciei minha carreira como jornalista no jornal Bahia Hoje (1993 e 1995). Depois transferi-me para o jornal  A Tarde, no qual trabalho desde 1995. Publiquei artigos em veículos de circulação nacional. Inclusive uma reportagem especial sobre…

Eduardo Coutinho: Entrevistas II

As canções Por Luiz Joaquim Mais que uma lição de cinema, ouvir o realizador Eduardo Coutinho, 78, soa também como uma lição de vida. Com uma vasta cabeleira branca, mais magro e frágil, mas com o humor afiado e uma sagacidade vigorosa sobre o que deseja do cinema, o fumante incorrigível veio a Fortaleza para ser…

Linha do tempo de Cabra marcado para morrer

Por André Dib Cabra marcado para morrer nasceu como iniciativa do CPC / UNE e foi concebido como uma ficção que dramatizaria a morte do líder das Ligas Camponesas, o paraibano João Pedro Teixeira. Os atores seriam os camponeses, entre eles, Dona Elisabeth, no papel de si mesma. Na equipe estavam Leon Hirzman, Vladimir Carvalho,…

Eduardo Coutinho: Jogo de Cena (2007)

Da falação à engenhosidade do jogo Por Ivonete Pinto Como uma atriz que coloca suas vulnerabilidades em cena, esta articulista admite que, em sala de aula já  acusou Coutinho de fazer um cinema demasiadamente centrado na fala,  repetitivo, que ao explorar o documentário apenas como veículo de conversas intermináveis de seus personagens, beirava a um…

Eduardo Coutinho: Entrevistas (I)

Entrevista com Eduardo Coutinho Por Lucas Salgado Eduardo Coutinho é um dos mais brilhantes diretores brasileiros vivos, tendo realizado obras primas como Cabra Marcado Para Morrer e Edifício Master. Apesar da fama e do prestígio, leva uma vida simples e afastado de glamour. Com seu jeito peculiar e meio mal humorado, recebeu o AdoroCinema em…

Eduardo Coutinho: Moscou (2009)

“Moscou”, de Eduardo Coutinho, radicaliza na experimentação Por André Dib Ao final dos 78 minutos de Moscou, a reação estampada no rosto do público do Festival Paulínia de Cinema oscilava entre estranhamento e admiração. Não fosse o prêmio da crítica, sairia do festival de mãos abanando. Filme difícil. Até mesmo a parcela de cinéfilos e…

Top 10 de 2012

Adalberto Meireles (BA) 01. Cosmópolis, de David Cronenberg 02. As Aventuras de Pi, de Ang Lee 03. A Invenção de Hugo Cabret, de Martin Scorsese 04. Fausto, de Aleksandr Sokurov 05. L’Apollonide – Os Amores da Casa de Tolerância, de Betrand Bonello 06. O Homem que Não Dormia, de Edgard Navarro 07. Holy Motors, de…

Estatuto

Novos Estatutos da Associação Brasileira de Críticos de Cinema – Abraccine DA NATUREZA E DAS FINALIDADES DA ASSOCIAÇÃO Artigo Primeiro: A Associação Brasileira de Críticos de Cinema – Abraccine, que se regerá pelos presentes Estatutos, com sede à Avenida Miguel Stefano, 379, apartamento 63, Bairro Saúde, São Paulo (São Paulo), CEP 04301-010, é uma pessoa jurídica…