Festival jovem e surpreendentemente maduro

Pablo Villaça* Há festivais que nascem surpreendentemente maduros.  Embora esteja apenas em sua quarta edição, o Olhar de Cinema, que ocorre em Curitiba, tem jeito e aparência de festival adulto: a organização é invejável, o cuidado com os críticos visitantes é melhor do que aquele exibido por muito evento veterano e – o mais importante…