Serras da Desordem

Ricardo Calil O assombro causado pela primeira exibição de “Serras da Desordem”, na Mostra de Cinema de Tiradentes de 2006, é inesquecível. Os espectadores saíram da sessão parecendo mais desnorteados que Carapiru, o índio que vagou sem rumo por 2.000 quilômetros depois de ter sua aldeia dizimada por fazendeiros. Críticos balbuciavam palavras desconexas tentando dar…

Tonacci caminha com o índio sem ilusões

Carlos Alberto Mattos* A primeira cena de Serras da Desordem mostra um índio nu sozinho na floresta (mais tarde saberemos que é Carapiru, o protagonista do filme). Meticulosamente, ele corta folhas de palmeira para fazer uma espécie de cama e produz fogo com pedaços de pau. Nada parece conspurcar aquele quadro idílico de um homem…

Serras da Desordem

Neusa Barbosa* Concluído em 2005, premiado com três troféus em Gramado em 2006 – melhor filme, direção e fotografia -, este aguardado trabalho do ítalo-brasileiro Andrea Tonacci chega ao circuito com a vocação de diluir fronteiras, reais e imaginárias. Para começar, “Serras da Desordem” problematiza sua classificação – é documentário, ficção, as duas coisas ao…

Andrea Tonacci – O homem é um ser que caminha

Rodrigo Grota* “Agora.. por quê a poesia? Porque a poesia te joga brechas, te dá espaços. Ela não te dá certezas, ela não te dá pedras.. Ela te dá o espaço entre as pedras.” * Quando ouvimos Billie Holiday não sentimos apenas a sua voz, o seu ritmo, o arranjo dos músicos – há toda…

Travelling na Kombi

Marcus Mello* Andrea Tonacci está de volta. Mas quem é Andrea Tonacci? Para alguns jornalistas presentes na última edição do Festival de Gramado, tratava-se de uma diretora em início de carreira, participando da competição de longas em 35mm com Serras da Desordem, um documentário sobre índios. Em país de memória curta, onde a desinformação viceja,…

Andrea Tonacci – Território da ambigüidade

Entrevista à Ivonete Pinto e Marcus Mello, para a Revista Teorema Depois de mais de trinta anos sem realizar um longa-metragem em 35mm, Andrea Tonacci volta à cena com “Serras da Desordem”, grande vencedor do último Festival de Gramado, onde conquistou os prêmios de melhor filme, melhor direção e melhor fotografia. Diretor do mítico “Bang…

O cinema e a vida

Daniel Caetano* Como podem se ligar os filmes às vidas e as vidas aos filmes? Claro, por natureza se ligam (ora, filmes são feitos e vistos por seres vivos) – mas como essa ligação pode ser mais profunda, complexa, fundamental? Como um filme pode tentar transmitir a experiência de uma vida? Essa questão, de certa…