Dossiê Premiações: London Critics’ Circle Film Awards

Dossiê Abraccine traz os filmes vencedores das principais premiações (fora de festivais) do ano: Oscar, César, BAFTA, Goya, London Critics’ Circle Film Awards, Critics’ Choice Awards, Independent Spirit Awards, Globo de Ouro.

dunkirt

O grande vencedor do London Critics’ Circle Film Awards esse ano foi Três Anúncios para um Crime, que também venceu o BAFTA. Dunkirk, filme de Christopher Nolan, levou o prêmio PRÊMIO ATTENBOROUGH de melhor filme britânico do ano. Já Elle, de Paul Verhoeven, foi o estrangeiro do ano.

Sobre Elle (clique no nome para ler o texto completo):

“Nem mesmo o constrangedor Showgirls pareceu arranhar a carreira deste senhor. Ele é competente no que faz. E o que faz melhor é marketing. Fazer marketing significa oferecer ao público um produto que ele pensa que precisa, como uma personagem que age na contramão do que qualquer personagem no âmbito do realismo agiria. Portanto, uma personagem complexa.” Ivonete Pinto

“Você pode até rir e propor um olhar jocoso sobre a violência sexual – só não pode pedir que suas vítimas achem isso engraçado. No caso de “Elle”, o único motivo desse convite não ser completamente descabido se chama Isabelle Huppert.” Daniel Oliveira

Sobre Dunkirk (clique no nome para ler o texto completo):

“Nolan evita a exploração sensacionalista da violência da guerra para dar lugar ao olhar existencialista para esta situação extrema em que a certeza mais incerta que os humanos possuem se torna latente e onipresente. Este sentimento de urgência é transmitido não apenas pelo excelente trabalho de design de som, ouvido desde os primeiros tiros, mas pela trilha de Hans Zimmer, essencial à narrativa proposta, na qual ambos os elementos sonoros, mais do que qualquer diálogo, a constroem como uma ópera bélica ininterrupta.” Nayara Reynaud

“Um dos maiores trunfos de Dunkirk é esse conceito de filme-experiência, essa ambição de criar dezenas de sequências de ação e oferecê-las de um ponto de vista inédito para o espectador, é explorar a sensorialidade até o extremo, é querer fazer o espectador sentir fisicamente seu filme.” Chico Fireman

“Mais que um drama de guerra, é uma história de luta e sobrevivência, em que dia e noite se misturam, e o hoje e o amanhã não mais fazem sentido separados, apenas quando observados como partes de um todo.” Robledo Milani

“Nolan consegue estabelecer este sentido de urgência em três ambientes. Na praia (sob tiroteios ou explosões), no mar (com soldados tentando embarcar, ou embarcados, ou naufragando) e no ar (numa perseguição entre caças ingleses e alemãs). Nesse sentido, não há tempo para alívio durante os 106 minutos de duração da obra.” Luiz Joaquim

“Assim como é comum nas obras do cineasta, o aspecto técnico é impecável. A direção de fotografia aposta – em sua maioria – numa paleta cinzenta, sem cores gritantes. O design de som faz com que cada tiro e explosão ganhe um efeito quase ensurdecedor, chegando a ser “mais alto do que o verdadeiro bombardeio”, segundo afirmou um sobrevivente do ataque que compareceu à première. E a trilha sonora de Hanz Zimmer é usada como fio condutor das situações, mantendo a tensão entre as sequências.” Daniel Medeiros

“(…) Mas isso não impede que o filme seja uma das experiências cinematográficas mais imperdíveis do ano. Um exercício competente que mostra que, por mais que o Dia D ainda seja o grande xodó do cinema de guerra, é Fernanda Takai quem está certa: as brigas que se perdem, estas, sim, a gente nunca esquece.” Daniel Oliveira

“Dunkirk é um filme bem feito, não há como negar. Traz muito das marcas de Nolan, em sua construção de busca eterna de imersão entre imagens e sons, com montagens paralelas que dialogam e criam novos significados. Às vezes, dá a sensação de que ele busca complicar só para parecer mais inteligente. Ainda assim, o efeito funciona. Não chega a ser genial, mas não deixa de ser admirável.” Amanda Aouad

Confira também esse especial sobre Dunkirk com a crítica da Abraccine Neusa Barbosa.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s